Casa CL+MB

Abrantes | 2018

casa cl+mb, habitação, reabilitação by paulomiguezarquitectos.png

Reabilitação de casa de campo em casa de férias. Dicotomia entre o existente e o actual, o antigo e o moderno , mantendo existências, criando novas. Casa de férias, pretende-se prática e racional, espaços amplos para receber, espaços exiguos para recolher.

casa cl+mb, habitação, reabilitação by paulomiguezarquitectos.png
casa cl+mb, habitação, reabilitação by paulomiguezarquitectos.png
casa cl+mb, habitação, reabilitação by paulomiguezarquitectos.png
casa cl+mb, habitação, reabilitação by paulomiguezarquitectos.png
casa cl+mb, habitação, reabilitação by paulomiguezarquitectos.png

Decathlon | Ideas Competition

Decathlon 2026

001.jpg

Briefing

From scratch, the candidates are invited to imagine the Decathlon store of 2026!

It is the premise of the tender to develop the building in a sustainable way, in a place chosen by the candidate. A store that offers a fantastic sports experience.

007.jpg

Concept

The four elements of nature, water, earth, fire, air, combined into a whole, inspiring sports practice, human experience, individual or group, in activities in perfect harmony with nature, landscape and city.

008.jpg

Decathlon Center  - More than a commercial space, a center of sports experiences, human interactivity and brand absorption

003.jpg
 
006.jpg
004.jpg
 
002.jpg

Estúdio T0 | Telheiras

2017

DSC_0347 cópia-1.jpg

Conversão de espaço comercial em Estudio de tipologia T0. Procura-mos uma abordagem simples, funcional, contudo aconchegante, confortável, moderna, contemporânea, rica em pormenores e texturas.

DSC_0429-3.jpg
DSC_0439-4.jpg
DSC_0372 cópia-2.jpg

CCAF

Centro Comunitário Apoio Familiar | Tomar | 2016-2017

O direito à habitação condigna está reconhecida como um direito de todos.    Apesar da evolução social da humanidade,  este é ainda um tema de debate, consequência da falta de fogos acessíveis à população.

No sentido de colmatar a carência de habitação social no concelho de Tomar, desenvolvemos um equipamento de baixos custos económicos, sustentável, baseado na construção modular, utilizando novos métodos construtivos, rapidez de execução,com tipologias evolutivas.

O projeto contempla cinco módulos habitacionais e um módulo destinado a receção e apoio administrativo. Este sistema permite a adição, subtração, repetição ou variação dos vários módulos construídos, seja ao nível de áreas ou tipologias.

Pretende-se deste modo que se responda com celeridade às carências ou restrições do acesso à habitação digna. 

Planta 2.jpg
Corte 3.jpg
Porm 3.jpg

Edifício 32

Centro Histórico | Abrantes | 2015 - 2017

000.jpg

A reabilitação urbana tem permitido a reocupação dos centros das cidades, trazendo novos moradores, novos usos, novos utilizadores. As intervenções assentam sobre a utilização das técnicas construtivas tradicionais, acrescentando materiais modernos, numa dicotomia sempre interessante e polivalente de linguagens  e abordagens. A utilização das estruturas de madeira, possibilitam intervenções económicas, viáveis, sustentáveis e ecológicas, reduzindo custos, tempos de execução e mantendo os ambientes outrora modernos.

003.jpg
J-4.jpg

Barcelona, 2017

Passeig de Gràcia.jpg

Passeig de Gràcia

 

Passeig de Gràcia, um dos eixos principais para deambular pela frenética Barcelona. Espaços concebidos para o uso da rua e  vivência social, com espaços de estar, de descanso e de sombra para simplesmente andar e perder-se. Neste mesmo percurso distante, a imensa variedade de referências é indiscutível.  Sejam elas, a Casa Milá, um dos ícones de Barcelona, surpreendente nos tempos atuais, surpreendente à época. O sistema construtivo da mansarda, de conceção genial inspirado nas leis da natureza, com influência determinante na construção da Basílica da Sagrada Família. A azáfama e ruído de La Boqueria, o concorrido mercado de Barcelona inspira-nos a degustar e ficar. E, o Palau Güell, embora mais deslocado, a exuberância estonteante de Gaudi nele traduzida num registo formal. Diversos ritmos de cheios e vazios, jogos de sombra e luz, impossíveis de traduzir em imagens. As ramificações desta avenida exibem animação constante nas mesmas ruas e praças de Barcelona, mostras de Arte estimulantes e orquestras que tocam em frente do imponente cenário que é a Catedral de Barcelona no Bairro Gótico.

Perpendicular ao Passeig de Gràcia, a Avinguda Diagonal, numa simpática caminhada que nos leva à obra de uma vida, genial na sua conceção e construção, que marca esta cidade e somente aqui se poderia conceber e realizar. A Sagrada Família, cuja comprometida complexidade será teoricamente finalizada em 2026. Assim como outra das obras de Gaudi a não ser terminada, o Park Güell, inicialmente concebida para uma urbanização, foi posteriormente devolvida à cidade e aos cidadãos, um espaço onde se avista a cidade rodeando a Sagrada Família.

Em Montjuïc, uma interessante orgânica das muralhas de defesa do castelo, construída num misto de alvenaria de tijolo e pedra, com vistas fantásticas sobre o Mediterrâneo. "Educar para la paz" é uma instalação presente neste facto histórico de batalhas.

 

Pavilhão de Barcelona de Mies Van Der Rohe, porque sustentas palavras dizem muito. Menos é mais. A premissa conceptual de Mies, grande mestre da história da arquitectura, símbolo de uma simplicidade e elegância inigualável. Este é um dos exemplos de excelência inseridos na moderna simplicidade, após visita a Montjuïc para reforçar essa amostra evolutiva.

Montserrat, o destino mais longínquo e inacessível realizado nesta viagem, cujo esforço da subida, num pequeno objeto suspenso num fio de côco é recompensada pela presença da natureza e da sua espiritualidade capitalizada. Paisagem deslumbrante num local já demasiado humanizado.

 

Fotografia: Ivan Hunga Garcia

 

ESTRUTURA RESIDENCIAL IDOSOS

Chaminé | Abrantes | 2016

 
 

O projecto tem como missão contribuir para a promoção e dignificação do ser humano, promovendo o desenvolvimento pessoal, a inclusão, a coesão social e a qualidade de vida, sobretudo nos grupos sociais mais vulneráveis, adequando respostas e iniciativas às necessidades da comunidade. 

 
 
 
 

É neste contexto que se insere a criação deste equipamento, numa freguesia limitrofe do concelho, com necessidades de fixação de população e criação de emprego, directos e indirectos.

 
 
 
 

O empreendimento insere-se no aglomerado urbano do lugar da Chaminé, que actualmente revela carências ao nível de equipamentos de carácter social, com uma população local envelhecida, que se dedica à agricultura e à floresta, e que pretende manter aqui a sua residência.

 
 

Homify